BRAHMAN* – UMA OFERENDA DE LUZ NO CÉU DO CORAÇÃO – W. Borges

BRAHMAN* – UMA OFERENDA DE LUZ NO CÉU DO CORAÇÃO
-(Quando as Lágrimas se Transformam em Estrelas)

Eu gostaria de Te ofertar algo…
– Mas, Tu és o Senhor de tudo.
– Então, me recolhi na prece.
– E foste Tu que me deste algo…
– Deste-me a Paz que não é desse mundo.

Ah, Senhor!
– Que lágrimas são essas…
– Que se transformam em estrelas no céu do meu coração?
– Que lavam minha alma no Teu Ser…
– E me ensinam a sentir a vida em todos os cantos.

– Eu queria Te esperar, mas o cansaço chegou.
– E minhas pálpebras pesaram.
– Então, sonhei que Te encontrava.
– E isso era no meu coração.

Ah, como eu gostaria de Te ofertar algo…
– Talvez, uma guirlanda de flores (ou de estrelas).
– Mas, só tenho essas palavras lavadas na Luz do Espírito.
– E essas lágrimas virando estrelas…

Além, muito além do meu sonho…
– Eu Te encontrei no azul do céu do coração.
– Foi nas asas da prece.
– Então, os grilhões do meu ego se partiram.

– Ah, Amado!
Eu só tenho esses escritos em Tua homenagem.
E esse pequeno coração fremindo num Grande Amor…
E esse “sol brilhando na noite”.
E as lágrimas virando estrelas…

P.S.:
É noite, Meu Senhor!
– Mas já raiou o Sol do Amor no centro do meu peito.
– E, junto com ele, aquela Paz, que não é desse mundo.
– E só Tu me conheces por inteiro.
– Sim, só Tu conheces o Poder que faz as lágrimas virarem estrelas…

– (Quem explica o toque silencioso do Amor?
Ou o abraço da Luz no cerne do Ser?
Ou os sentimentos sublimes de uma linda canção?**
Ah, tem coisas que só o coração é que compreende…
Coisas que não se explicam, só se sentem.
E que só o Todo conhece por inteiro.)

De alma para alma – de coração a coração.

(Dedicado a Rabindranath Tagore, Ramana Maharishi, Paramahamsa Ramakrishna, Sarada Devi, Kalil Gibran, Huberto Rohden, Jalad Din Rumi, Kabir, e Mataji.)

Paz e Luz.

– Wagner Borges – mestre de nada e discípulo de coisa alguma.
São Paulo, 08 de maio de 2012.

– Notas:
* Brahman – do sânscrito – O Supremo; O Grande Arquiteto Do Universo; Deus; O Amor Maior Que Gera a Vida. Na verdade, O Supremo não é homem ou mulher, mas pura consciência, além de toda forma. Por isso, tanto faz chamá-Lo de Pai Celestial ou de Mãe Divina. Ele é Pai-Mãe de todos.
** Enquanto eu escrevia essas linhas, rolava aqui no som uma coletânea de músicas do grande maestro, compositor e tecladista americano Jimmy Webb. Então, deixo na sequencia os links do Youtube para três lindas canções dele.
– “The Highwayman” (em dueto com o músico inglês Paddy McAloon – líder e vocalista da banda Prefab Sprout) –


– “Wheres the Playground Susie?” (em dueto com o vocalista e guitarrista americano Glen Campbell – seu grande parceiro em muitas canções) –

– Medley de três canções: “Witchita Lineman”, “Only One Life” and “The Moon’s A Harsh Mistress” (em dueto com a vocalista americana Linda Ronstadt) –

TELA-UNIVERSO-VIA-LACTEA-imagem-real-de-satelite-impressao-digital.jpg

Anúncios
Publicado em: Sem categoria

Comente se for um comentário instrutivo ...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s